La Romantique

Um café e um amor.Quentes,por favor!

19:10

Te amamos Senhor!

Postado por Cost |


Ai ai!Estou tão feliz, tenho tanto para agradecer ao meu grande Deus que amo tanto! Mas estou aqui para agradecer pelo menos por uma coisa que Deus tem me abençoado muito, ou melhor nos abençoado muito! Estou aqui para agradecer a Deus pelo meu Bb, Felipe Barbosa Cupertino e pelo nosso amor! Um ano e 2 meses é o que estaremos comemorando daqui a dois dias (03.02.12). Sabe, hoje eu entendo quando Deus pediu para eu esperar, para largar o que não valia a pena na minha vida e para segui-lo, pois antes de amar o meu Bb eu aprendi a amar ao meu Deus, a obedecer a Deus e escolhê-lo todos os meus dias, a partir daí aprendi a amar o meu Felipe, a respeitá-lo e a esperá-lo todos os dias! Eu esperei longos 19 anos pelo meu Bb, aprendi errando, errei aprendendo. Contudo o mais gratificante foi obedecer a Deus, conhecê-lo, pois foi aí que eu pude ouvir a Sua voz falando ao meu coração, pude seguir o caminho que Ele me guiava, então foi desse jeito que eu e Felipe nos encontramos, que o nosso amor começou. E Deus me dava a certeza a cada passo que eu dava. Eu estava a ponto de conseguir a minha promessa, a promessa que o meu Senhor preparou para eu. Até que nos conhecemos e o nosso amor vem crescendo a cada dia e a promessa se cumprindo em nossas vidas, temos tido vitórias e dado glória a Deus, juntos. Não temos o que reclamar a Deus, nem de um nem de outro, pois nós temos a certeza em nosso coração que Deus2 nos deu mais do que pedimos ou pensamos. Tudo que temos é agradecer por mais um dia que Deus nos tem nos abençoado, abençoado o nosso amor. E pela fé cremos que só a morte irá nos separar, pois o que Deus uniu nem homem o separa! Obrigada Senhor, pelo nosso amor, por nos dar a certeza todos os dias e por nós dois te seguir juntinhos, amando-te!

Que venha mais anos juntos, até que a morte nos separe!!!

Amém!!!

s2

Não me instes para que te abandone, e deixe de seguir-te; porque aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus;
Onde quer que morreres morrerei eu, e ali serei sepultada. Faça-me assim o SENHOR, e outro tanto, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti.
Rute 1:16-17


FELIZ UM ANO E DOIS MESES PARA NÓS2


Bbs2Bba

17:34

Lidos em 2011...

Postado por Cost |

- A Bíblia (Todos os dias*-*)
- Testamento de Pasárgada - Manuel Bandeira
-Assassinato no expresso oriente - Agatha Christie
-Cai o pano - Agatha Christie
- Sherlock Holmes em:Um estudo em vermelho -Sir Arthur Conan Doyle (Releitura)
-Para uma menina com uma flor - Vinicius de Moraes
-A escrava Isaura - Bernado Guimarães
-Segredos do passaado - Danielle Stell
- O mundo de Sofia- Jostein Gaarder (Releitura)
- A casa da madrinha - Lygia Bojunga
- O fantasma da ópera - Gaston Lerouk
- O Ateneu - Raul Pompéia (Releitura)
- Auto da compadecida - Ariano Suassuna (Releitura)
- Uma rua de Roma - Patrick Modiano
- Aventuras de Alice no país das maravilhas - Lewis Carrol
- O engenhoso fidalgo D. Quixote De La Mancha vol.II - Miguel de Cervantes Saavedra
- Dom Casmurro - Machado de Assis (Milésima releitura kkk)
- Ler e escrever estratégias de produção textual -Ingedore Villaça Koch e Vanda Maria Elias
- Pesquisa, orientações e normas para elaboração de projetos, monografias e artigos científicos - Mario Sergio Michaliszyn e Ricardo Tomasini
- Estratégias de Ensino-Aprendizagem - Juan Díaz Bordenave e Adair Martins Pereira
- Crítica da organização do trabalho pedagógico e da didática - Luiz Carlos Freitas
-O Diário de Anne Frank - Anne Frank, Org. por Otton Frank.
- A Carne - Júlio Ribeiro
- A Paixão segundo G.H. - Clarisse Lispector
- O Misterioso Caso de Styles - Agatha Christie
- Os Seis Napoleões e outras Aventuras de Sherlock Holmes - Conan Doyle
- As Três irmãs (contos) - Anton Tchekhov (Teatro)
- O poder - Rhonda Byrne
- A grande esperança - Ellen g. White
- Auto da compadecida (Rerereleitura) - Teatro Moderno - Ariano Suassuna
- Pedreira das Almas: O telescópio - Teatro Moderno - Jorge Abdrade
-Ainda Existe Esperança. - Enrique Chaj
-O fantasma - Robert Harris
- O amor e o Dr. Devon - Alan Titchmarsh
- A Àguia Dupla - James Twining
- Por amor Julie - Ann Ming
- Duelo de um Anjo e um Cão - Pe. Orlando Vilela
- Águape - Pe. Marcelo Rossi
- A lista de Natal - Richard Paul Evans
- O assassinato do Rei Tut - James Patterson e Martin Dugard
-Àgua, pedra, coração - Will North
- Lar, doce lar. - Mary Higgins Clark
- O beijo não vem da boca. - Ignácio de Loyola Brandão
-Os Retirantes - José do Patrocínio
- Helena - Machado de Assis
- Manuelzão e Miguilim - João Guimarães Rosa
- A madrasta - Nancy Thayer
- Galope de Amor - Danielle Steel
- O milagre - Nicholas Sparks
- Forças para Viver - Carlos Afonso Schmitt
- Prometeu acorrentado - Ésquilo (Tragédia grega)
- Édipo Rei - Sófoles (Tragédia grega)
- A menina que não sabia ler - John Harding


2012 começarei a ler o livro que meu amor tá escrevendo e as crônicas de Nárnia - C.S.Lewis




17:10

O nosso coração bate como um só...

Postado por Cost |

A amizade é um amor que nunca morre...♥
Para sempre: Eternos namorados e amigos*-*
Felipe♥Bhett

17:09

♥Díos!

Postado por Cost |

17:05

Conjugando o verbo amar...

Postado por Cost |


"Não adianta dizer que um olhar vale mil palavras, que o silêncio diz tudo. Não, não e não. Eu quero sentir, tocar, cheirar, provar, morder e ouvir. Ler. Então, por favor, Diga. Qualquer coisa que seja, qualquer frase, qualquer palavra perdida, fale. Ou escreva. Mas por favor, eternize. Palavras foram criadas para fotografar o coração, então por favor, não poupe o mundo da sua essência. Palavras são simples. Precisas. Lindas em sua pureza de ser dita. Não precisa fazer pose. Deixe acontecer. Se a garganta der nó e a sílaba não sair, escreva. Caneta e lápis na mão, seja. Mostre-se. Eu não me apaixono por pessoas. Eu me apaixono por frases. Me alimento de palavras. Verdades, incertezas, medos, doçuras e pequenas mentiras. Não importa. Eu quero provar seus verbos. Seus sujeitos. Seus objetos. Eu quero te ler. Te sublinhar. Te copiar. Te re-ler. Então, por favor, escreva-se. Inscreva-se. O que me encanta no mundo são letras, vogais, combinações inexatas entre o que quer dizer e o que se diz. Não precisa dizer bonito. Muito menos escrever bonito. Palavra vira poesia quando dita com a alma. Por isso, solte-se. Rabisque-se. Eu não vou analisar suas palavras. Eu vou apenas senti-las… Sentir você em cada letra escrita, em cada ponto, em cada frase desenhada. Por isso, permita-me. Eu não quero gramática, dicionário, frases de efeito, plágios descarados pra preencher vazio. Eu quero você. Você e suas palavras. Você e sua letra torta. Em qualquer frase, qualquer rima, qualquer asterisco no pé da página. Mas que seja você. Que brote do silêncio da sua alma bonita e se transforme em letras: palavras para eternizar a poesia que é seu coração."

16:56

Em Ti confio Senhor!!!

Postado por Cost |

10:21

Presente de Rafael*-*

Postado por Cost |



16:55

Bhett+Felipe=Amor

Postado por Cost |


Enquanto houver "cumplicidade", há amor, há paixão, há sonhos.
Que sejam sempre, muito sempre, "admiradores", do que juntos poderão construir... que sejam sempre, "mão amiga" quando o outro precisar.
Que sejam sempre, "olhos nos olhos", para lerem as verdades, que as vezes a boca não teve coragem de dizer.
Mas que no silêncio e no brilho dos olhos, eles possam falar
sem magoar.
Que nunca falem "verdades doídas" em momentos de
desentendimentos, e desacordos...
guarde-as , quando tudo tiver sereno, poder falar sem dor.
Que sejam "amigos"... muito amigos, caminhando paralelo e sem disputas.
No amor não há concorrências... há união, força, garra, vontade de sonhar juntos e de estarem sempre de mãos dadas.

17:12

Postado por Cost |

"Maior amor nem mais estranho existe...

F♥B

...Que o meu, que não sossega a coisa amada." Vinícius de Moraes.





17:03

Casa no Campo (Tânia Mara)

Postado por Cost |

Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa compor muitos rocks rurais
E tenha somente a certeza
Dos amigos do peito e nada mais
Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa ficar no tamanho da paz
E tenha somente a certeza
Dos limites do corpo e nada mais
Eu quero carneiros e cabras pastando solenes
No meu jardim
Eu quero o silêncio das línguas cansadas
Eu quero a esperança de óculos
Meu filho de cuca legal
Eu quero plantar e colher com a mão
A pimenta e o sal
Eu quero uma casa no campo
Do tamanho ideal, pau-a-pique e sapé
Onde eu possa plantar meus amigos
Meus discos e livros
E nada mais

16:55

Dentro de mim mora um anjo...

Postado por Cost |




Quem me vê assim cantando
Não sabe nada de mim
Dentro de mim mora um anjo
Que tem a boca pintada
Que tem as unhas pintadas
Que tem as asas pintadas
Que passa horas à fio
No espelho do toucador

Dentro de mim mora um anjo
Que me sufoca de amor
Dentro de mim mora um anjo
Montado sobre um cavalo
Que ele sangra de espora
Ele é meu lado de dentro
Eu sou seu lado de fora

Quem me vê assim cantando
Não sabe nada de mim
Dentro de mim mora um anjo
Que arrasta suas medalhas
E que batuca pandeiro
Que me prendeu em seus laços
Mas que é meu prisioneiro

Acho que é colombina
Acho que é bailarina
Acho que é brasileiro
Quem me vê assim cantando
Não sabe nada de mim...

Subscribe